[Book review] Notes on a Nervous Planet / Notas sobre um Planeta Nervoso – Matt Haig

“The paradox of modern life is this: we have never been more connected, and we have never been more alone.”

“O paradoxo da vida moderna é este: nós nunca estivemos tão conectados, e nunca estivemos tão sozinhos.”

Notes-on-a-Nervous-Planet

I must admit that I don’t read a lot of non fiction books. Usually because the themes don’t always interest me or because I’m drawn to other books. Confesso que não leio muitos livros de não ficção. Geralmente porque os temas nem sempre me puxam para a leitura ou simplesmente porque outros livros me puxam.

This book caught my eye immediately. Firstly, for the graphic look and the title, of course. Secondy, because it seemed to be a very interesting perspective to read, about our reception and  acess to data in this world of “fast information”. Este livro chamou-me logo a atenção. Primeiro pelo grafismo da capa e o título, claro. Depois porque me pareceu uma perspetiva muito interessante de ler, sobre a nossa receção e acesso de dados neste mundo de “fast information”.

Matt Haig is very candid about living with depression and anxiety and approaches, both in scientific studies as is his own relationship, with how humans relates with social networks and all the acesses to information. how many times we can stay addicted to nocive behaviours, since staying hours checking social networks without noticing, comparing our lifes with Instagram “posts”, creating heated arguments on Twitter, only showing the best happening in our lifes on Facebook, creating false hopes, the search for “likes”. Matt Haig é muito cândido com a sua vivência com depressão e ansiedade e aborda, tanto com estudos científicos como com a sua própria relação, como o ser humano se relaciona com as redes sociais e todas os acessos à informação, como muitas vezes podemos ficar viciados a comportamentos nocivos, desde passar horas do nosso dia a visitar as redes sociais sem dar por isso, a comparar a nossa vida com “posts” do Instagram, a criar discussões acesas no Twitter, a refletir apenas o melhor da nossa vida no Facebook, criando falsas expectativas, a busca dos “likes”. 

Internet and technologies can bring the same amount of good to our every day ife as toxic and in this book it’s underlined the moderation we should have with this environments and expectations. A internet e as tecnologias podem trazer tanto de bom e de útil para o nosso dia-a-dia como de tóxico e neste livro é sobretudo sublinhada a moderação que se deve ter em relação a estes ambientes e expectativas.

Deixar uma resposta